TANGO, DE CARLOS SAURA

O tango tem qualquer coisa de intermediário. Meio temperado, meio tropical. Meio música, meio dança. Meio hétero, meio homo. Meio crepúsculo, meio amanhecer. Meio tortura, meio libertação. Meio fratura, meio cicatriz. Meio rotina, meio clandestinidade. Meio cachaça, meio ressaca.

O tango é um homem atraente e másculo, com marcas de expressão, como Mario Suarez, do filme Tango, de Carlos Saura. O tango é uma mulher deslumbrante, tão jovem quanto vivida, como Elena Flores, do filme Tango, de Carlos Saura.

Tango. Argentina/Espanha 1998. 117 min. Drama. Diretor: Carlos Saura. Atores: Miguel Ángel Sola (Mario Suárez), Cecilia Narova , Mía Maestro (Elena Flores), Juan Carlos Copes.  



Cena do filme Tango, de Carlos Saura

Nenhum comentário:

Postar um comentário